Esqueceu sua senha?

Não tem problema! Escreva seu CPF no campo abaixo e você receberá um e-mail.

Verifique seu e-mail!

Enviamos um e-mail para: emaildosusuario@mail.com

Ah! Não esqueça de ver sua caixa de spam!

Caso haja algum problema, ligue para 0800 643 0401

Blog do Sebrae/SC

Voltar
blog sebrae santa catarina 6 passos para abrir uma agencia de viagem 1024x657 - 6 passos para abrir uma agência de viagens

6 passos para abrir uma agência de viagens

PUBLICADO EM 29 de Janeiro de 2020

A transformação digital se revelou uma grande amiga dos viajantes. A popularização de serviços alternativos de transporte e hospedagem — como Airbnb, Uber ou Hotel Urbano — facilitou e tornou mais barato realizar viagens que antes não passavam de sonho para muita gente. Nesse contexto, abrir uma agência de viagens se tornou mais desafiador, e é necessário pensar em estratégias inovadoras para não ficar para trás.

A Organização Mundial do Turismo divulgou que no segundo semestre de 2019, o turismo mundial cresceu 4% em relação ao mesmo período em 2018. Embora o crescimento tenha se concentrado no Oriente Médio, Ásia e Pacífico, há uma tendência de buscas por destinos brasileiros em 2020 – é o que indica o estudo da Skyscanner.   

O Fórum Mundial Econômico elegeu o Brasil como o país com maior diversidade de belezas naturais e o oitavo com maior pluralidade cultural, representando um destino turístico de grande procura e visibilidade. De acordo com um estudo do World Travel & Tourism Council (WTTC), publicado em 2019, o turismo foi responsável pela injeção de US$ 152,2 bilhões na economia nacional em 2018, correspondendo a 8,1% do Produto Interno Bruto (PIB).

Tendo em vista esse cenário de novas oportunidades, vamos mostrar neste artigo os 6 passos essenciais para abrir uma agência de viagens e como fazer com que ela seja um sucesso.

Agência de viagens: negócio em decadência ou ascensão?

As agências de viagens foram, tradicionalmente, o principal intermediário entre turistas e empresas do setor — como companhias aéreas, de transporte rodoviário, hotéis e restaurantes. A tecnologia facilitou o acesso a diferentes opções e valores de passagens e hospedagem, mas as agências de viagens continuam forte no mercado pelo diferencial de contar com profissionais qualificados, proporcionando economia de tempo, dinheiro e gerando mais conforto e segurança para o cliente.

O Boletim de Desempenho Econômico do Turismo, divulgado pelo Ministério do Turismo, revela que as agências de turismo, isoladamente, tiveram um aumento de 9,3% do faturamento no terceiro trimestre de 2017, se comparado com o mesmo período do ano anterior. As demais empresas do setor tiveram um crescimento médio de 4,3% no faturamento.

Se você está pensando em investir no setor e não sabe por onde começar, veja nossas dicas abaixo.

Veja os 6 passos para abrir uma agência de viagens:

  1. Consulta comercial: primeiro, é preciso saber se o local do estabelecimento escolhido é apto para a realização de atividades comerciais. Essa etapa é realizada junto ao órgão responsável pelo cadastro dos imóveis de sua cidade, como a Prefeitura Municipal ou Secretaria Municipal de Urbanismo;
  2. Busca de nome e marca: se o nome da marca já estiver definido, faça uma pesquisa para verificar se existe uma empresa registrada com o mesmo nome que o pretendido. Você deve fazer a consulta em uma Junta Comercial, Cartório — em caso de sociedade simples — ou no Instituto Nacional de Propriedade Intelectual;
  3. Formalização do negócio:  na Junta Comercial ou Cartório deve ser feito o arquivamento do contrato social ou declaração de Empresa Individual. Nesta etapa, também deve ser feita a solicitação de CNPJ junto à Receita Federal e a solicitação da inscrição estadual para a Receita do estado de atuação da empresa;
  4. Licença e INSS: para a empresa poder atuar no estabelecimento escolhido é necessário obter o  Alvará de licença, que pode ser requerido na Secretaria Municipal da Fazenda. Já no Instituto Nacional de Seguridade Social, você poderá solicitar a matrícula do INSS;
  5. Registro no Cadastur: depois de abrir uma agência de viagens, é preciso registrá-la junto ao Ministério do Turismo. O cadastro é gratuito e feito de forma virtual no site do Cadastur. Além das agências de viagens, o registro é obrigatório para empresas dos seguintes ramos:
    1. guia turístico
    2. hospedagem
    3. transportadora turística
    4. organizadora de eventos
    5. acampamento turístico
    6. parque temático
    7. (É importante que as atividades da empresa estejam relacionadas com o ramo em que foi cadastrada.)
  6. parcerias: faça parcerias estratégicas com empresas que oferecem serviços complementares ao seu, como operadoras de viagens e seguradoras. Esses parceiros podem ajudar a divulgar o seu negócio quando um cliente procurá-los para fazer cotação ou contratação de serviços. Isso garantirá mais uma forma de divulgação para a sua agência. Além disso, a venda desses serviços para seus clientes pode gerar comissões.

Estratégias para sua agência de viagens

Mesmo para os consumidores que preferem a comodidade de contar com uma empresa especializada na hora de planejar suas viagens, é necessário pensar em diferenciais para atrair e fidelizar os clientes — que estão cada vez mais exigentes. Para isso, uma boa alternativa é investir em campanhas promocionais.

Uma das principais vantagens de fechar um pacote com uma agência é a possibilidade de parcelamento da viagem. Pensar em estratégias inteligentes de precificação e promoções é uma ação com boas chances de sucesso.

Os clientes estão cada vez mais exigentes e conectados, por isso é fundamental que a empresa esteja presente nas redes sociais e elabore estratégias de marketing para aumentar o faturamento. Veja como aumentar seu faturamento fidelizando os clientes.

4 estratégias para fidelizar seus clientes

Seja ativo nas redes sociais

Quando a agência fecha pacotes de viagens com grupos, é bastante comum enviar um profissional da equipe para acompanhar os clientes. Essa prática gera mais confiança no público, principalmente quando as viagens são para destinos internacionais. 

Momentos como esses são ótimas oportunidades para as agências. O profissional pode compartilhar toda a viagem nas redes sociais da empresa, mostrando para o público quais são os passeios que estão disponíveis, como é o destino e a animação dos clientes durante os passeios. Dessa forma, é possível gerar maior envolvimento do público com a agência.

Crie um blog para sua agência

Os blogs são uma ótima oportunidade para quem quer se destacar na internet. O Google é uma grande ferramenta de pesquisa para quem está procurando destinos de viagem e ter um blog pode ajudar a empresa a aparecer nos resultados de busca dos viajantes. Quando o público procurar por um destino, o conteúdo do seu blog pode aparecer entre os resultados. Isso aumentará a visibilidade para o seu site.

Faça conteúdos bem informativos e completos, quanto mais informação, mais valor será transmitidos ao público.

Tenha um site

Um grande erro que as empresas ainda cometem é não ter um site. O site é o principal recurso de comunicação entre as empresas e os clientes que estão na internet. Por meio dessa ferramenta, o cliente tem mais informações sobre a agência e, assim, sente-se mais confiante em contratar um serviço. Além disso, você pode criar anúncios em diferentes plataformas, direcionando os acessos para as promoções e ofertas do seu site.

Tenha um programa de fidelidade

Os programas de fidelidade pode ser um estímulo para que o cliente faça mais viagens. Existem diversos modelos de programas, mas o de acúmulo de pontos são os mais comuns. Nesse modelo, você pode definir um critério, como por exemplo a cada pacote fechado o cliente ganha um determinado número de pontos ou a cada R$ 1 em gasto em pacotes de viagens o cliente ganha 1 ponto. 

Depois de um total de pontos atingidos, o cliente é premiado. A premiação também pode ser definida por você: uma viagem para um novo destino, desconto nas próximas viagens, passeios no destino etc.

Invista na segmentação

A segmentação permite que a agência se diferencie dos concorrentes. Enquanto grande parte das empresas estão atendendo perfis diversos de clientes, você pode se especializar em um público específico, como famílias, casais, mulheres, turismo de aventura etc.

A vantagem de trabalhar de forma segmentada é que você entende melhor as necessidades e os desejos do seu público. No caso do atendimento para mulheres, por exemplo, esse público esbarra no medo de fazer uma viagem sozinha e na falta de segurança. A sua agência pode focar nesses pontos, mostrando que as viagens realizadas são seguras etc., e, assim, conquistar um público cativo. 

Estudar sobre o perfil do público e aperfeiçoar o conhecimento em diferentes áreas do negócio é o segredo para quem quer crescer. Por isso, você deve estar sempre informado sobre o mercado, as tendências do setor e sobre o seu cliente. 

Acompanhe nosso blog para ter acesso a mais dicas sobre empreendedorismo. Além disso, no portal de atendimento Sebrae Santa Catarina você encontra dados consolidados sobre diferentes setores e atividades para definir os melhores planos para o seu negócio.

Comentários


Ver mais comentários

Você precisa estar logado para comentar! Cadastre-se ou faça seu login!