Comércio Varejista

Alertas

23/06/2020

COVID-19 | Florianópolis adota novas medidas de combate ao coronavírus a partir do dia 24 de junho

Novas restrições surgem como resultado do crescimento dos casos e podem influenciar o plano de ações também de outras cidades do estado.

Florianópolis terá novas restrições a partir da próxima quarta-feira (24), devido ao aumento de casos do novo coronavírus na capital. A informação foi confirmada pelo prefeito Gean Loureiro em sua conta no Twitter, no final da tarde desta segunda-feira (22), onde também anunciou obrigatoriedade de uso de máscaras para todo o município e multa de R$ 1.250 para pessoas que descumprirem. 

Em quanto tempo as medidas permanecerão em vigor?

As medidas vigoram por 14 dias, ao menos, tempo estipulado para novas avaliações.

Quais são as medidas de restrição?

No covidômetro, ferramenta da prefeitura que avalia os números de contaminação, morte e hospitalizados por causa do vírus, o município passou para a bandeira laranja, que indica para uma série de limitações. Neste caso, academias e shopping centers, que estão reabertos desde o dia 22 de abril, voltam a fechar. A circulação de pessoas em praias e as atividades ao ar livre também estarão proibidas. 

As novas restrições se aplicam a:

  Áreas de lazer

- permitido circulação somente nos dias de semana.

  Arenas de esportes e quadras esportivas

- fechadas.

  Praias

- proibido a permanência na areia.

- permitido para pesca e esportes aquáticos.

  Shopping centers

- fechados.

  Galerias

- fechadas.

  Restaurantes

- somente das 12h às 15h durante dias de semana. 

- fins de semana somente para serviços de tele-entrega e retirada no balcão.

  Bares e lanchonetes

- permitido até às 18h.

- fins de semana somente para serviços de tele-entrega e retirada no balcão.

  Padarias

- abrem, mas sem consumo no local.

  Supermercados

- capacidade máxima reduzida para 30% de ocupação.

- proibidos os promotores de produtos

  Serviço público não essencial

- apenas teletrabalho nos âmbitos municipal, estadual e federal.

Como fica o uso de máscaras?

Agora o uso de máscaras passa a ser obrigatório em todo o território de Florianópolis. A multa para quem for flagrado descumprindo essa orientação passa de R$ 125,00 para R$ 1.250,00 para pessoas físicas, e alcança R$ 2.500,00 para estabelecimentos.

Como está a situação de Florianópolis em relação à pandemia?

Em boletim do governo estadual nesta segunda, Florianópolis figura em quarto no ranking de casos confirmados, com 1.122 contaminados desde o início da pandemia e em sétimo no número de pacientes ativos, com 99 pessoas em tratamento. Até aqui, houve 10 mortes na Capital, segundo o Estado. A prefeitura, no entanto, divulga 1.318 casos, já confirmou outros dois óbito e 336 pacientes em acompanhamento.

Outras cidades também adotarão medidas mais rigorosas?

Depois de Florianópolis voltar atrás e anunciar o fechamento de alguns serviços a partir da próxima quarta-feira (24), os municípios de São José e Palhoça também confirmaram novas proibições para controle do coronavírus. As regras serão definidas, por ambos os municípios, na terça-feira (23). A prefeitura de Biguaçu ainda estuda um plano de ação, mas adiantou que vai reforçar às fiscalizações. É preciso ficar atento aos anúncios de outras prefeituras, uma vez que o endurecimento das medidas varia de acordo com a situação de cada cidade em relação ao controle da pandemia.


  Confira aqui o pronunciamento completo do prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro, sobre as novas medidas restritivas.



Fontes: Florianópolis terá novas medidas restritivas contra o coronavírus; saiba o que vai fechar - NSC Total - 22/06/2020. São José e Palhoça definem novas restrições após avanço do coronavírus; Biguaçu estuda ações - NSC Total - 23/06/2020.